Escolha laboratórios certificados em ISO 17025 24 de Janeiro de 2014

A exigência de acreditação nos parâmetros determinados pela Norma ISO 17025 para as atividades de amostragem começa a valer em 13 de maio de 2014. Segundo a Resolução SMA 90, somente laboratórios certificados podem fazer a coleta e amostragem de resíduos para análise, que, inclusive, é exigido para a obtenção do CADRI (Certificado de Movimentação de Resíduos de Interesse Ambiental).

A resolução estabelece que a coleta do resíduo e sua análise sejam feitas apenas por laboratório certificado pela Norma ISO 17025, cujo escopo deve ser “coleta e amostragem”. Isso significa que o cliente não poderá mais fazer a coleta e entregar no laboratório. Apenas os técnicos do laboratório poderão fazer a coleta.

E mesmo que ainda falte um pouco mais de três meses para a lei começar a valer, é bom dar preferência por laboratórios acreditados. A Nova Opersan foi uma das primeiras empresas a conseguir a certificação há alguns anos e ainda são poucos laboratórios com a certificação.

A lei garante o que a ISO 17025 já prezava para o cliente: a certeza de que a análise e seu controle estão dentro de padrões ambientais e de segurança. Nossos técnicos, por exemplo, são treinados para fazer a coleta e a análise das amostras de resíduos dentro dos padrões da ISO 17025, sendo qualificados constantemente. Também fazemos auditorias e melhorias dos processos periodicamente. 

Sobre a norma - Laboratórios de calibração e de ensaio podem definir o escopo segundo os serviços oferecidos e a capacidade de medição, para serem certificados pela ISO 17025, que vai demonstrar que as atividades do local são praticadas com precisão e têm excelentes resultados.

A ISO 17025 também garante padrão internacional dos laboratórios certificados, pois o Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia (Inmetro) tem acordo de reconhecimento mútuo com a European Co-operation for Acreditation (EA).

Quer conhecer nosso laboratório?

 

COMENTÁRIOS

Resultado da busca