Água Subterrânea - A maior reserva de água doce do planeta 7 de Abril de 2015

Você já ouviu falar em água subterrânea?

A água subterrânea, como o próprio nome diz, é a água que fica em baixo da superfície da terra, preenchendo os espaços vazios entre as rochas sedimentares, ou falhas e fissuras das rochas compactas. Essas águas cumprem uma fase do ciclo hidrológico, uma vez que constituem uma parcela da água precipitada.

A água da chuva que se infiltra no solo entre as rochas escorre muito devagar em direção ao fundo da terra, e à medida que penetra o solo e vai sendo filtrada, perde sua turbidez, cor e fica cada vez mais limpa!

CLIQUE AQUI e saiba como o meio ambiente influencia na disponibilidade de água!

Segundo dados disponibilizados pela Associação Guardiã da Água, os primeiros vestígios da utilização das águas subterrâneas são de 12.000 anos antes de Cristo. Desde os primórdios da história das civilizações as águas subterrâneas são utilizadas pelo homem, através de poços rasos escavados. Foi atribuído aos chineses o início da atividade de perfuração, já que em 5.000 antes de Cristo, eles já perfuravam poços com centenas de metros de profundidade.

É essa água subterrânea que abastece os chamados poços artesianos, nome dado quando é feita a perfuração do solo para a captação de água e a própria pressão natural é capaz de levá-la até a superfície, e poços comuns.

artesiano

FONTE: COPASA (www.copasa.com.br)

O aumento crescente da utilização das reservas hídricas subterrâneas se deve ao fato que, geralmente, elas apresentam excelente qualidade e um custo menor, afinal dispensam obras caras de captação, adução e tratamento.

Ainda segundo dados da Associação, nos últimos 25 anos foram perfurados por volta de 12 milhões de poços no mundo. No Brasil, observou-se nas últimas décadas um aumento da utilização da água subterrânea para o abastecimento público.

Grande parte das cidades brasileiras com população inferior a 5.000 habitantes, com exceção do semiárido nordestino e das regiões formadas por rochas cristalinas, têm capacidade de serem atendidas pelas reservas subterrâneas. Isso se deve ao fato de 97% da água doce disponível no planeta ser de reservas subterrâneas, que geralmente são formadas e realimentadas por água da chuva, neblina, neve e geadas.

De toda a água subterrânea do planeta, um quinto se encontra no Brasil. Nosso país possuí uma reserva subterrânea com mais de 111 trilhões de metros cúbicos! A cidade de Ribeirão Preto, por exemplo, é totalmente abastecida por reservas subterrâneas!

Tomando como base a região metropolitana de São Paulo, por volta de 3 milhões de habitantes recebem água subterrânea. O estado de São Paulo é atualmente o maior usuário das reservas subterrâneas do país, sendo 65% da zona urbana e aproximadamente 90% das indústrias abastecidas de forma parcial ou total pelos poços.  
 

CTA_facebook

 

New Call-to-action

COMENTÁRIOS

Resultado da busca